• quinta-feira , 17 agosto 2017

Polícia civil de Quixada elucida latrocínio que vitimou cobrador Mossoroense

Em entrevista exclusiva ao repórter Pádua Junior, o Delegado Regional, Dr. Marcos Vinicius, relatou como concluiu inquérito do cobrador Gulamar Targino de Oliveira morto no Município de Ibaretama vítima de um brutal latrocínio.

Segundo o delegado relatou que a vítima deixou de dar notícias aos seus familiares. A motocicleta da vítima também desapareceu. Com as investigações, dois nomes foram apontados, o popular João Marcílio de Melo, enquanto a polícia ainda não pode passar detalhes.

O inspetor David, Thiago e outros se deslocaram até a localidade de Pedra e Cal, em Ibaretama, lá chegando, conseguiram identificar os possíveis autores. Ao perceberam a presença da polícia, eles fugiram para a mata. Os agentes ficaram durante toda a quarta-feira, 09, na localidade.

Pela manhã de ontem, 10, a equipe caiu em campo e receberam informações de possíveis locais onde o corpo poderia estar. Dr. Marcos Vinicius detalho que a motocicleta de Marcilio já estava com algumas peças da moto da vítima, como aro, pneus, assim, a Delegacia regional não tem dúvida de sua Participação

O local do corpo

Na zona rural do Município de Ibaretama Policiais civis e populares perceberam um aglomerado de matos e ao retirarem, começaram a cavar, encontrando o corpo enterrado.

Detalhes de um crime

Delgado informou que João Marcílio de Melo em passagem pela policia

Delgado informou que João Marcílio de Melo tem passagem pela policia

 

De acordo com o Delegado, Marcos Vinicius, o trabalhador teve a sua motocicleta roubada, não satisfeito com o roubo, os meliantes ainda o assassinaram. De forma cruel, eles ainda enterram o cadáver em um matagal de difícil acesso.

Agilidade da Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá

Em menos de 24 horas do achado do corpo do galego de Mossoró, a Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá, desvenda o crime, prende suspeito e identifica outro.

Related Posts

Deixe um comentário..