• domingo , 24 setembro 2017

Construtoras com obras no FAR terão prazo de pagamento reduzido

minha-casa

O ministro das Cidades, Bruno Araújo, anunciou que as construtoras com obras no Minha Casa, Minha Vida, por meio de recursos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), terão o prazo de pagamento reduzido ainda em dezembro deste ano. Atualmente, o prazo é de 30 dias para as pequenas construtoras, 45 dias para as médias e 60 para as grandes. A declaração foi feita em São Paulo, nesta segunda-feira (5), durante o painel de Desenvolvimento Urbano, no 12o Congresso Brasileiro da Construção – Construbusiness, na sede da Fiesp.

Bruno Araújo disse que autoriza a redução desses prazos para 10, 20 e 30 dias. A previsão era que a medida entrasse em vigor em janeiro de 2017, mas após algumas reivindicações do setor construção civil foi antecipada a redução de medição para o pagamento. “Esse é um segundo passo dado para aumentar a credibilidade do governo. A primeira iniciativa foi colocar todos os pagamentos em dia”, ressaltou.

A medida é mais um incentivo para que as empresas invistam ainda mais no setor. “Tem um significado muito especial, porque o mês de dezembro é o mês que há maior encargo. E, para as pequenas empresas que estão desgastadas com o passado recente, de não pagamento em dia, será fundamental para a sobrevivência e para o equilíbrio”, disse Araújo.

Outra iniciativa será a retomada da contratação do FAR. Para o ministro, esse diálogo e mudanças nos trâmites de algumas regras entre governo e construção civil é um incentivo à geração de emprego e renda, com objetivo de aquecer a economia do país.

O FAR recebe recursos transferidos do orçamento geral da União para viabilizar a construção de unidade habitacionais para famílias com renda de até R$ 1,8 mil.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Ministério das Cidades

Related Posts

Deixe um comentário..